segunda-feira, 17 de março de 2014

0

Sem rumos.

Eu fiquei uma porção de tempo tentando ser “legal e maduro”, “uma presença leve e agradável” — porque eu tô ainda muito inseguro de mim mesmo, e não acreditando absolutamente que alguém possa me curtir bem assim como eu sou.
(Caio Fernando Abreu - Carta a Vera Antoun)

... Mais difícil que escrever é recomeçar a escrever depois de tanto tempo sem pratica , sem grandes motivos ou por muitos grandes motivos pra por no papel . Acho que os escritores devem ter isso em comum , excesso de sensações dentro de si que é difícil tirar uma e desenrolar um só , é difícil ate selecionar qual é o mais importante , o que casa certinho com oque ele sente no momento . Por ser tao complicado esse mecanismo as vezes falha , longe de mim dizer que sou uma escritora , mas eu tenho um pouco desse bloqueio . É uma mistura de nada acontece la fora mas tudo se revira-se aqui dentro , e agora, depois de muito tempo sem deposita-los sob a tinta seria provável que todos saíssem de vez e acabarem borrando o papel , borrem o rosto , escorram em lagrimas . Só queria libera-los em pequenas doses , pra aliviar aqui dentro . é difícil quando não se consegue se libertar de tudo , desabafar totalmente . Ja tentei com pessoas mas , fico guardando pequenos pedaços das historias ainda . E agora.. ja não consigo nem nos textos .


 Indiane Souza

Nenhum comentário:

Postar um comentário